Vincent Aboubakar Camarões Brasil

Nesta terça-feira, o atacante camaronês Vincent Aboubakar, de 30 anos, disparou contra a equipe do Brasil, futura adversária na Copa do Mundo, em novembro. Em entrevista ao veículo Actu Cameroun, o camisa dez da seleção africana disse não temer os brasileiros.

“Caímos em um grupo difícil, com Brasil, Suíça e Sérvia. No entanto, não temos medo do Brasil porque esse time não é como os que conhecemos no passado”, afirmou.

O duelo entre a Seleção Brasileira e Camarões acontece no dia 2 de dezembro (sexta-feira). Válida pela terceira – e última – rodada da fase de grupos, a partida acontece às 16 horas (de Brasília), no Estádio Nacional de Lusail, em Lusail (CAT).

“É claro que existem bons jogadores, mas para ir longe em uma competição como essa, você precisa de um grupo muito unido. Sem esse coletivo, de pouco adianta alinhar os grandes nomes”, completou o atacante.

Com passagens pelo futebol europeu, Aboubakar é um dos principais nomes da seleção camaronesa. Atualmente, o jogador atua no Al Nassr, da Arábia Saudita. Por Camarões, soma 33 gols em 87 partidas.

Além disso, o atacante foi o artilheiro da última Copa Africana de Nações, com oito gols marcados – competição em que a equipe conquistou a medalha de bronze. No entanto, na última vez que enfrentou o Brasil, na fase de grupos da Copa do Mundo de 2014, passou em branco. Na ocasião, os brasileiros venceram por 4 a 1.

O post Adversário na Copa, atacante camaronês faz críticas ao Brasil e afirma: “Não temos medo” apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.