Com problemas na virilha, Edinson Cavani não entra em campo desde o dia 8 de fevereiro e desfalcará o Manchester United novamente, desta vez contra o Leeds, no domingo. O técnico Ralf Rangnick falou sobre a ausência do atacante uruguaio e comentou a respeito de um possível retorno para o duelo.

“Bom, ao que parece, Edinson Cavani ainda ficará de fora. Ele ainda está tendo alguns problemas na virilha e, além disso, também alguns no estômago. O mesmo se aplica a Tom Heaton. Fora isso, todo mundo parece estar disponível”, disse o comandante dos Red Devils, em coletiva de imprensa, nesta sexta-feira.

Cavani, de 35 anos, viveu bons momentos pelo United na última temporada, mas, na atual, sofreu com lesões e marcou apenas dois gols em 15 jogos disputados – sendo sete como titular. Ele ainda é dúvida para enfrentar o Atlético de Madrid, na quarta-feira, fora de casa, pelo confronto de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões.

Por outro lado, Rangnick revelou que o volante Nemanja Matic pode voltar aos gramados no próximo compromisso da equipe. Além do meio-campista sérvio, o zagueiro Eric Bailly também segue como possível retorno.

“Estou grato por temos mais jogadores disponíveis novamente. Nemanja Matic voltou hoje aos treinos pela primeira vez e até que foi bem, então pode estar disponível, talvez até para o domingo contra o Leeds, mas definitivamente nos próximos dois jogos”, explicou.

Quarto colocado da Premier League, o Manchester United vem de triunfo sobre o Brighton por 2 a 0. O time de Cristiano Ronaldo visita o Leeds, no domingo, às 11h00 (de Brasília). A partida é válida pela 26ª rodada da competição nacional.

O post Lesionado, Cavani segue como desfalque do Manchester United apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.